Logotipo da entidade

Consultas Boa Vista SCPC

Acidi Itaquá sedia reunião com diretores das associações comerciais do Alto Tietê

A Associação Comercial e Industrial de Itaquaquecetuba (Acidi) recebeu, na manhã desta quinta-feira (25 de maio), diretores das associações comerciais do Alto Tietê para mais uma reunião da Federação das Associações Comerciais do Estado de São Paulo (Facesp) da RA-3. O encontro teve como objetivo a apresentação do novo modelo de contrato com a Boa Vista SCPC, empresa parceira da Facesp. Foram também debatidos outros temas como pesquisa e mercado, prêmio ‘Empreendedor do Ano’ e futuras reuniões da entidade. Para o presidente da Acidi, Luciano Dávila, as propostas apresentadas representam mudanças positivas para as associações.

“Sabemos que a Facesp está zelando para que todas as associações comerciais possam se desenvolver de acordo com suas demandas. O novo modelo de contrato permite novas perspectivas para a Acidi e para todas as outras filiadas à Facesp, pois padroniza a atuação e ajuda a desenvolver ainda mais os setores comerciais, empresariais e industriais da nossa região”, afirmou.

Izidio Souza, gerente regional da Boa Vista SCPC, falou sobre as novas medidas apresentadas. “Mostramos um novo modelo de negócios da Boa Vista SCPC com as associações comerciais. Este modelo vem para padronizar todas as entidades pertencentes. Vão existir algumas premissas básicas de desempenho para pleitear este contrato, como estabelecer um portfólio de produtos padrão e um formato de uso de marca, assim como uma identidade visual”, explica.

Segundo o gerente, a grande meta da Boa Vista SCPC é auxiliar as associações a se desenvolverem com as novas práticas. “Algumas entidades não possuem tanta força comercial, por isso vamos apoiar a gestão das mesmas para sanar suas dificuldades, por meio de toda a capacitação oferecida por nós”, completa.

Já a vice-presidente da Facesp e representante da RA-3 (região que inclui as cidades do Alto Tietê), Tânia Fukusen, presidente da Associação Comercial de Mogi das Cruzes, também destacou a importância das novas exigências contratuais. “As associações possuem realidades diferentes, mas criamos itens que defendem a todas, para que saiam beneficiadas com este novo contrato. Pedimos para que o valor do repasse continue o mesmo e não caia em 50%, pelo menos durante este ano. Também pedimos que as associações tenham assistência maior para a formação das equipes de vendas, o que é muito importante”.

Além de Luciano Dávila, Tânia Fukusen e Izidio Souza, estiveram presentes no encontro Mário Bergamo, diretor jurídico da Acidi; João Carlos, presidente da ACE Arujá; Ricardo Ataide, gestor comercial da ACE Arujá; Marco Zatsuga, presidente da ACE Mogi das Cruzes; Edson Cardoso, gerente da ACIFV; Francisco Quintino, presidente da ACIPOÁ; Geraldo Lopes, presidente da ACETS Salesópolis; Rosani Martins, auxiliar da ACE Biritiba-Mirim; Adnélia Borges, presidente da ACE Biritiba-Mirim; Eros Camargo, vice-presidente da ACE Salesópolis; Alvani Corrêa, gerente comercial da ACE Suzano; José Guilherme, gerente da ACE Santa Isabel; William Paneque, presidente da ACE Guarulhos; Maurici Dias, subsecretário da ACE Guarulhos; e Méris Mercia, gerente da Boa Vista.